Zaha Hadid ...

... "a rainha das curvas" morre aos 65 anos.


A multi premiada arquitecta iraquiana Zaha Hadid (1950-2016) faleceu de ataque cardíaco hoje (31/03), aos 65 anos, num hospital de Miami, onde estava internada.

Zaha Hadid foi uma das figuras mais importantes da arquitectura contemporânea. O seu trabalho está espalhado por todo o mundo - do Centro Aquático do Estádio Olímpico de Londres ao Banco Central do Iraque, finalizado em 2012, a um arranha-céus em Nova Iorque que será inaugurado em 2017.

Hadid foi a primeira mulher a receber o Prémio Pritzker de Arquitectura, a distinção mais importante dentro da área, e a medalha de ouro do Real Instituto dos Arquitectos Britânicos.

Há mais de 30 anos no mercado, a arquitecta deixou uma carreira extensa e premiada.

Centro Aquático de Londres construído para os Jogos Olímpicos de 2012.
Fotografia: John Walton.

Edifício das Serpentine Galleries, em Hyde Park, em Londres.

Um dos projetos notáveis ​​de Hadid, o
centro cultural Heydar Aliyev, em Baku, Azerbaijão.

Estação funicular de Hungerburgbahn, Innsbruck.

Pavilhão Ponte da Exposição Internacional de Zaragoza 2008.