segunda-feira, 5 de abril de 2010

Caravaggio ...

... um génio "imortal" que trabalhou o claro-escuro como ninguém e impregnou as suas obras com um "realismo" chocante.

Para marcar os 400 anos da morte Michelângelo Merisi Caravaggio (1571-1610), está patente em Roma, nas escuderias do Palácio do Quirinal, uma notável mostra que reune 25 pinturas a óleo deste génio do Barroco. Esta exposição inaugurada a 20 de Fevereiro registou, logo no dia de abertura, o dobro das entradas inicialmente previstas.

Claúdio Strinati, especialista em História de Arte e responsável pela exposição, considera que Caravaggio está inteiro nesta mostra, nela temos "o violento gênio lombardo em todo seu esplendor", quer através das suas sombras misteriosas ou do seu olhar entre o sagrado e o profano.

Uma exibição de imagens lineares e emocionantes, imaginada segundo um critério absolutamente rigoroso, apresentada ao público de uma forma concisa, não antológica, centrada apenas nas obras de Caravaggio historicamente reconhecidas. Reúnem-se assim, num mesmo espaço, 25 obras-primas provenientes de alguns dos museus mais importantes de Itália e do mundo, criando uma homenagem à singularidade própria da obra de Caravaggio.

Em exibição, entre as obras mais representativas, podem-se ver:
  1. Cesta de Frutas, da Biblioteca Ambrosiana de Milão
  2. Baco, da Galeria Uffizi em Florença
  3. David com a Cabeça de Golias, da Galleria Borghese em Roma
  4. Os Músicos, do Metropolitan Museum de Nova Iorque
  5. Alaúde, do Museu Hermitage em São Petersburgo
  6. Amor Vencedor, do Museu Staatliche em Berlim
  7. A Ceia em Emmaus nas 2 versões, da National Gallery de Londres e da Pinacoteca di Brera em Milão
  8. São João Batista 3 versões distintas, do Musei Capitolini de Roma, da Galería Corsini de Roma e Pinacoteca Nelson Atkins de Kansas.
Podem ainda acrescentar-se as obras do artista que se encontram nas diversas igrejas da capital italiana: San Luigi dei Francesi e Santa Maria del Poppolo.


Aqui pode obter todas as informações sobre esta exposição Scuderie del Quirinale.

Entretanto nas minhas incursões pela web descobri um site com bastante informação sobre Caravaggio, assim como uma excelente galeria de obras, com a possibilidade de as ampliar bastante, vejam AQUI.

E espero um dia poder ver de perto as obras deste artista que muito gostei de estudar, e sobre o qual incidiu o meu exame de Arte do séc. XVII e XVIII (1) do primeiro semestre :P ... uma pergunta a valer 20 valores apenas sobre Caravaggio e a Modernidade na sua Obra :) (diga-se que me fartei de escrever a professora é que não deixou continuar :P).

Para mim as obras de Michelangelo Merisi, mesmo quatrocentos anos após a sua morte, suscitam grande entusiasmo e seria uma enorme emoção poder observar as obras em exposição até 13 DE JUNHO ...
Related Posts with Thumbnails