As 5 melhores ...

... casas privadas do mundo !!

Wallpaper Magazine lançou também na sua edição de Fevereiro aquelas que foram consideradas as 5 melhores habitações do mundo na categoria de prémio para Arquitectura Residencial. 
Temos uma obra de arte abstracta na paisagem de Woodstock, uma gruta camuflada nas montanhas dos Alpes Suiços, um jardim de concreto em São Paulo, algo de muito diferente na paisagem de uma povoação sueca e um pátio em forma oval. 

1. "VILLA MERAMORPHOSIS", EUA, por Ben Ryuki Miyagi
Localizada perto de Woodstock, em New York, foi construida para ser mais um elemento da bonita paisagem da região. O seu criador é Ben Ryuki Miyagi, pegou numa simples casa com telhado plano, e adornou-a com cúpulas e lâminas de poli-carbonato, criando uma obra de arte abstracta à qual deu o nome de “paisagem da mitologia geométrica”.


Fotos: AQUI
 

2. "VILLA VAL", na Suíça, por Bjarne Mastenbroek e Christian Müller
Camuflada na montanha, esta casa pode ser facilmente confundida com a paisagem local. É basicamente uma “gruta”, situada numa encosta do município de Vals, na Suiça, e foi desenhada por Bjarne Mastenbroek e Christian Muller. Possuí 4 quartos, uma cozinha de ultima geração, um jacuzzi no pátio e uma vista de sonho, e também é eficiente no que toca ao consumo de energia, uma vez que os proprietários instalaram uma turbina para o uso de energia limpa.



3. "GRÉCIA HOUSE", Brasil, por Isay Weinfeld
Situada numa das melhores zonas de São Paulo, esta mansão foi construída para que quem lá viva possa desfrutar da maior das tranquilidades no interior das 4 paredes de betão.É uma obra do conceituado arquitecto Isay Weinfeld, consiste num espaço amplo, arejado, mobilado com uma vasta colecção de obras de arte, que conta ainda com uma piscina e um jardim interior. Caso os seus proprietários precisem de mais ou de menos privacidade, uma estrutura que abre e fecha pode ser acionada a qualquer momento e tapar ou descobrir o interior.



4. “TOWNHOUSE”, na Suécia, por Elding Oscarson
Um projecto que rompe com a tradição. Os criadores desse projecto, Jonas Elding e Johan Oscarson, decidiram romper com os moldes tradicionais e procurar funcionalidade num espaço pequeno. Inserida no meio das casas tradicionais, esta casa ganha não só em design como em aproveitamento do espaço. Uma habitação de 2 andares, com um pátio no topo e outro no interior, não passou despercebida ao juízes do concurso.



5. “WHITE O HOUSE”, no Chile, por Toyo Ito & Associates
Para ver esta casa teríamos que nos deslocar até Marbella, no Chile. É uma casa de férias, desenhada em torno de um jardim, que culmina num pátio bem no centro da mansão. O acesso é feito através de uma rampa interna, sendo que os dormitórios estão situados longe do pátio e as áreas comuns são decoradas com tectos em cristal. Esta obra dos estúdios japoneses Toyo Ito, tinham como objectivo principal aproveitar o espaço ao máximo através dos pontos de vista alargados que a residência proporciona.