Ilha Saona

... a excursão imperdível para quem visita a República Dominicana.




Encantou-me a visita à "Bella Savonesa", o primeiro nome dado à Ilha Saona por Cristóvão Colombo em 1494, homenageando a cidade natal de Michelle Savona Cuneo.

Esta ilha é uma reserva natural protegida desde 1975, faz parte do perímetro do Parque Nacional do Este. Este parque está localizado na ponta sudeste do país, na província de La Altagracia entre as cidades de Boca de Yuma e Bayahibe. Têm uma área de 808km² dos quais 420 km² são terra e 388 km² correspondem a mar. Este parque natural é rico em biodiversidade, tanto terrestre como marinha, onde a vida animal e vegetal se desenvolve livremente na natureza.

Mas apenas visitei Saona, uma ilha que já foi alvo de muitas filmagens pela sua beleza inigualável (segundo o nosso guia, a Lagoa Azul e o Pirata das Caraíbas, foram dois dos filmes ai realizados).

Em Bayahibe tomamos o catamaran, onde ao som do Merengue e da Bachata rumamos até Saona fazendo uma paragem para nos banharmos nas “piscinas naturais”. Ah e é verdade durante a viagem não faltou o RUM !!








Descer do catamaran e aproveitar as águas cristalinas com pouca profundidade que nos oferecem as “piscinas naturais” e observar as estrelas-do-mar foi uma delícia. Digo mesmo inesquecível!!







Na Ilha Saona tivemos ainda possibilidade de atravessar uma zona verde e de nos banharmos nas suas águas de um azul translúcido. Ah e é verdade de beber o meu primeiro coco acabadinho de abrir :)











Mas a animação não ficou por aqui, o regresso até uma das baías de Bayahibe em Lancha Rápida foi uma aventura :)